Tudo começou com a deusa Athena e a lenda de seus cinco leais cavaleiros de bronze...


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Enquete - Reforços de bronze?

Ir à página : 1, 2  Seguinte

Quais dos NPCs vocês aprovam?

20% 20% [ 8 ]
24% 24% [ 10 ]
17% 17% [ 7 ]
17% 17% [ 7 ]
22% 22% [ 9 ]
Total dos votos : 41

Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 2]

1 Enquete - Reforços de bronze? em Seg Mar 23, 2009 5:10 pm

Graal

avatar
Admin
Aí, pessoal, nossa segunda enquete.

É inegável que o contingente de cavaleiros está bem abaixo da média de funcionamento do Santuário, por causa (explicação da história) do déficit de mestres e da situação defensiva em que se encontra o Santuário.

Eu mesmo tenho algumas reservas à idéia que vou propor, mas como nosso fórum não é de plena expansão, do tipo que membros vêm da lista do yahoo ou são convidados e recomendados (por razões de confiança em quem está aqui e porque sempre funcionou melhor assim, no CDZ), o que acham da idéia de mais 3 ou 4 npcs de bronze e 1 de prata para suplementar os ranks de Athena?

Todos, claro, com aquelas "famosas constelações que ninguém quer pegar". Meus prós e contras:

PRÓS:

1. O Santuário fica melhor equipado para lidar com crises fora de seu território, graças à melhor distribuição de cavaleiros. Afinal, alguns deixaram sua armadura e existem como npcs por aí (Máscara da Morte e Kanon), e outros possuem residência fixa onde treinam seus discípulos. E assim podem se formar grupos de cavaleiros de bronze, como é esperado por serem mais numerosos.

2. Alguns cavaleiros e amazonas possuem maior idade (os sobreviventes da guerra passada). Excetuando os cavaleiros de ouro, que possuem uma longevidade maior (pelo menos de acordo com o que andei lendo em OFF do Kurumada, a respeito da vida dos cavaleiros), a galera do bronze e da prata das antigas mesmo com a experiência maior enfrenta uma diminuição de suas capacidades físicas, a maioria vive hoje como mentores da nova geração

3. Oportunidade de interpretação com cavaleiros vindos de regiões não adotadas pelos jogadores ou com backgrounds bem exóticos. Como é lidar com um personagem que treinou no venenoso Pântano da Hidra? Como se comporta o cavaleiro filho de um dos personagens antigos?

4. Alguns podem ser alunos dos próprios personagens dos PCs (que não tenham acabado de conseguir armadura, lógico ehehehe), diversificando a história

CONTRAS:

1. Já há NPCs ocupando armaduras que um jogador pode querer. Pela lógica a prioridade é dos players, se um quiser uma das armaduras ocupadas por NPCs, este tem de se aposentar ou morrer fazendo a sucessão. O mesmo vale para estes recém-chegados

2. Alguns jogadores não se sentem confortáveis com muitos NPCs e preferem um estilo mais centrado em outros jogadores participando

3. NPCs ficam ao critério do mestre quanto à vida e a morte, portanto podem-se criar laços com eles e a morte, mesmo embasada na situação, pode ser mal interpretada pelos que interagem com aquele NPC. Um risco que se corre.


Bem, também relutei em expor minhas dúvidas e pontos a favor, mas achei melhor colocá-los depois de refletir porque assim vocês entendem como penso.

Bem... o que acham?



Última edição por Graal em Ter Mar 24, 2009 6:17 pm, editado 2 vez(es)


_________________
Ver perfil do usuário http://santuario-cdz.forumeiros.com

2 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Seg Mar 23, 2009 5:28 pm

Bem. Por mim pode criar mais personagens sim. Além do mais, segundo você, as armaduras são "consteções que ninguem quer" Então não acho que alguem vai querer pega-la, se sim, conversa-se para ver qual a melhor resolução do impasse.

Imaginem o seguinte, a maioria dos players são personagens de bronze e prata, ou seja, a maioria vai ficar indo em missões ( Segundo descrição do forum na classe hierarquica) então o santuário ficaria desprotegido, só com os santos dourados. Não dismerecendo-os, claro. Mas acho que quanto mais pessoas melhor.

Em relação a players se 'afeiçoarem' a NPC e morrem depois, isso é normal no meu ponto de vista. Até por que sendo players ou NPC, corre o risco de moste eminente.

bem.. Essa é minha opnião: Pelo menos mais 1 de prata e uns 2 ou 3 de bronze.

\o/

Ver perfil do usuário

3 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Seg Mar 23, 2009 5:38 pm

Eu estou aceitando isso... concordo com Katiuscha Ausinberg.

^^

Mas eu fico com pena do Graal haha

Ver perfil do usuário

4 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Seg Mar 23, 2009 5:43 pm

Realmente vai dar pena dele mesmo... Twisted Evil

Também sou a favor de criar alguns NPC's, vaidar até um clima melhor no desenrolar da história.

Ver perfil do usuário

5 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Seg Mar 23, 2009 6:29 pm

Por mim blz a criação de npcs o.o

Ver perfil do usuário

6 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Seg Mar 23, 2009 6:41 pm

Após pesar os prós e contras, eu cheguei à conclusão que acabará sendo melhor para a história a existência dos NPCs. Sendo assim, sou a favor.

Ver perfil do usuário

7 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Seg Mar 23, 2009 9:35 pm

=)

"Pena por que? Ele merece sofrer mesmo!!!"

...

..

.

Katiuscha volta ao normal.

" Hã? O que? hum? O_O "

Ver perfil do usuário

8 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Seg Mar 23, 2009 9:43 pm

Katiuscha Ausinberg escreveu:=)

"Pena por que? Ele merece sofrer mesmo!!!"

...

..

.

Katiuscha volta ao normal.

" Hã? O que? hum? O_O "

Eu sou seu amigo para sempre tá?
Não quero ver vc brava...

Ver perfil do usuário

9 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Seg Mar 23, 2009 9:46 pm

Ara ara... acho que não preciso dizer mais nada...

Ver perfil do usuário

10 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Seg Mar 23, 2009 9:56 pm

Lugh escreveu:
Eu sou seu amigo para sempre tá?
Não quero ver vc brava...

" Hã? hum??? Tá... sou sua amiga... também."

*esconde a foice*

Ver perfil do usuário

11 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Seg Mar 23, 2009 10:27 pm

Ao meu ver, a iniciativa da criação de NPC's é válida. Há de fato a chance das personagens criarem vínculos entre si, o que seria normal também.

Enfim, concordo com a criação dos guris. =)

Ver perfil do usuário

12 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Ter Mar 24, 2009 7:44 pm

Graal

avatar
Admin
A votação mudou! Com 10 votos a 1, foram aprovados os NPCs.

Agora temos a segunda etapa. Aprová-los! Vocês podem votar em mais de uma vez para cada cavaleiro, caso aprovem sua participação, e aquele (ou aqueles) que conseguir pelo menos cinco votos é aprovado, seja 1, 2, 3, 4 ou os cinco por inteiro. Confiram lá em cima as novas opções.

Aqui vai um resumo do perfil dos cinco cavaleiros criados como suporte para vocês. Os detalhes a seguir:

SASANKA DE LEBRE



Armadura: Bronze
Origem: Escócia
Local de treinamento: Grécia
Mestre: Nachi de Lobo
Justificativa do nome: Nome da lua na Índia, onde está homenageada a lebre que foi Buda em outra existência, tendo se sacrificado para dar de comer a um viajante.

Sasanka foi enviada ao Santuário por seus pais por acidente. Eles não tinham como sustentá-la em sua pobreza e pagaram para um homem que apanhava órfãos nas redondezas para levá-la consigo, sem saber que ele era um recrutador de crianças promissoras para serem aspirantes da cavalaria.

Embora tenha atendido o pedido, o homem não acreditava que a garota franzina desse uma boa amazona, e abandonou-a em Rodorio. Os habitantes se comoveram com seu choro e foi na figura de Nachi, o cavaleiro de lobo, que ela encontrou um protetor e pai adotivo.

Embora Nachi não tivesse intenção de treiná-la, Sasanka (nome adotado por ela quando se tornou amazona e usou máscara) quis por vontade própria, para agradecer a Athena pela bondade da acolhida naquela terra de gente boa, tornar-se uma defensora do Santuário. Nachi obteve uma permissão especial de Marin para ser seu mestre, e por várias vezes tentou com o rigor do treinamento forçá-la a desistir e procurar outro rumo.

Mas Sasanka conhecia o sofrimento, e este sofrimento forjou ela em uma guerreira compassiva, que luta apenas para proteger e não tem interesse na violência. Ela se tornou uma das primeiras candidatas ao posto de aprendiz nas casas de cura e tornou-se hábil tanto em lutar quanto em salvar vidas. Seu maior desejo é transformar o mundo em um lugar melhor, onde as vítimas das maquinações de grandes poderes não sofram como consequencia de planos diabólicos. Ela leva consigo bandagens, extratos de ervas e medicamentos convencionais, para agir como curandeira se necessário.

Recentemente, ela retornou à Escócia e descobriu que seus pais morreram. Ela retornou um pouco mais sombria ao Santuário.

As técnicas de Sasanka são Hare Jump (Salto da Lebre) e Wild Tornado (Tornado selvagem)


ARISTÓTELES DE TRIÂNGULO AUSTRAL



Armadura: Bronze
Origem: Nova Zelândia
Local de treinamento: Japão, Fundação Graad
Mestre: Jabú de Unicórnio
Justificativa: Três unidades do filósofo Aristóteles, Unidades da Ação, Tempo e Lugar

Aristóteles provém de uma família de enviados do Santuário, que apesar de servir à deusa por cinco gerações jamais produziu um soldado ou cavaleiro. Nascido no Pacífico Sul, ele possuía um desejo incontrolável por conhecimento e acreditava que, estando no Santuário e tendo acesso à sua lendária biblioteca, poderia compreender como funciona o mundo como em nenhum lugar do mundo.

Contudo ao se candidatar como aspirante foi enviado para o Japão, onde sua inteligência nata seria melhor aproveitada com os recursos da Fundação Graad, sob a supervisão de Jabú. Jabú não dava trégua para Aristóteles se dedicar aos estudos, porém permitiu que ele tivesse acesso ao melhor das instalações dos laboratórios de Graad, os mesmos que produziram os cavaleiros de aço. O aspirante, tendo acesso ao treinamento formal dos cavaleiros e à tecnologia e know how dos laboratórios, acreditava que desenvolveria o estilo perfeito de combate, já que como deusa da sabedoria Athena privilegiava as ações inteligentes e mais racionais.

Seu primeiro choque ao receber a armadura foi ser enviado a uma missão com seu mestre, em que ambos se defrontaram com uma ameaça em que apenas a lógica e preparo não seriam suficientes para resolver. Esta foi a lição final de Jabú: revelar as profundezas do cosmo, que se elevaria até o infinito se Aristóteles acreditasse. Renovado e agora crente que a razão acompanha o uso do coração e do instinto, ele retorna ao Santuário com a alcunha de cavaleiro mais inteligente da ordem.

Apesar do quase fracasso da primeira missão, Aristóteles possui um domínio de sua cosmoenergia considerado preciso e perfeito, aliando ataque, defesa e suporte sem perder a calma em combate. Ele pode analisar várias situações como um computador vivo e possui uma memória enciclopédica sobre várias áreas do conhecimento humano.

As técnicas de Aristóteles são (do japonês): Kyuushuu Sankakukei (Triângulo de Absorção), Eikyo Sankakukei (Triângulo de Impacto) e Sankakuchuu (Prisma Triangular)


ICARIUS DE BOIEIRO



Armadura: Bronze
Origem: Grécia
Local de treinamento: Sibéria
Mestre: Jacob de Cristal (Coroa Boreal)
Justificativa do nome: Nome do homem homeageado por Baco e transformado em constelação

Icarius é filho da terra de Rodorio, de pai soldado e mãe amazona, tendo apenas seguido a tradição dos pais. Mas em verdade sua mãe ofereceu a vida de Icarius a Athena, por uma graça conseguida na hora do parto, em que ele quase não conseguiu nascer. Seu destino de certa forma já estava atrelado à cavalaria.

Mesmo que não fosse esse o caso, ele era reconhecido e amado na vila como um rapaz nobre, de boa alma e protetor dos fracos, que lembrava a própria generosidade dos cavaleiros que visitavam Rodorio, por isto ninguém achou estranho que ele quisesse se tornar um deles. O local de seu treinamento entretanto foi longe de tudo que conhecia, longe da ensolarada Grécia, nos confins da Sibéria onde seu futuro mestre Jacob o esperava.

Jacob treinou Icarius no rigor daqueles elementos árduos, para criar um cavaleiro que honrasse o caminho de seu grande amigo, Hyoga. Icarius não estava destinado a ser o Cisne, por outro lado, já que o cosmo que despertava nele fazia o gelo derreter e o verde aparecer na terra, um poder do milagre que impressionava os habitantes do vilarejo de Jacob. Mesmo treinando no frio, ele não era um cavaleiro do frio. Seu mestre passou a despertar o poder que era capaz de degelar o frio próximo ao ártico, que vinha do bondoso coração dele.

A prova de fogo de Icarius foi desafiar as águas glaciais, onde teria de sobreviver apenas por seu próprio cosmo. Foi um duro teste e ele foi dado como morto duas vezes durante aquele dia. Mas suas estrelas brilhavam mais fortes, e aquele que usaria a armadura do pastor que no céu persegue a Grande Ursa com os cães conseguiu sobreviver miraculosamente, renascendo para a vida. A graça de Athena parece acompanhá-lo.

Como cavaleiro, Icarius é do tipo irmão mais velho de todos. Ele respeita os idosos, ouve os jovens e tem sempre uma boa palavra a oferecer. Dizem que ele talvez seja a reencarnação de algum cavaleiro distante do passado, algo que somente um deus poderá responder.

O que mais destaca Icarius é que aqueles próximos a ele parecem desconhecer o medo ou o terror. Ele é um bom e confível líder ou seguidor.

Suas técnicas são Midnight Sun (Sol da Meia Noite) e Great Northern Light (Grande Luz Boreal)


MUIA DE MOSCA



Armadura: Prata
Origem: Argentina
Local de treinamento: Pântano da Hidra
Mestre: Ichi de Hidra
Justificativa do nome: Nome grego inicial da constelação

Muia é sobrinha de Albiore (Albion) de Cefeu, mestre anterior da Ilha de Andrômeda que foi arrasada por Miro de Escorpião e Afrodite de Peixes. Seu pai, irmão de Albiore, recusou-se a permitir que o resto da família se envolvesse nos assuntos do Santuário, porém por razões que até hoje ele não explica concedeu a Muia o direito de escolha: seguir os passos de Albiore ou permanecer fora do Santuário para sempre.

Ela reconhece até hoje que quis se tornar amazona pela glória e reputação do posto, sem saber que a vida de um defensor de Athena pode ser o inferno. Ela queria treinar na Ilha de Andrômeda mas seu pai não enviou uma carta de recomendação ao Santuário, por isso foi sorteada para treinar no Pântano da Hidra, com os chamados cavaleiros venenosos - a linha mortal da cavalaria que se especializa em ações furtivas e técnicas para quando a força bruta não resolver. Muia, como outros, quase morreu até se habituar com a extrema toxicidade do ar do pântano, que nem o mestre do local, Ichi, conseguia suportar bem quando foi designado para lá. Com a ajuda de Ichi, ela conseguiu manter-se viva, mesmo que isso tenha custado a sua saúde.

Quando estava prestes a desistir, Muia foi visitada em espírito por uma visão de Albiore, que lhe estimulou a ir em frente e que "mesmo o cavaleiro mais humilde faria a diferença, se acreditasse em seu cosmo e pusesse sua vida na balança da vida e da morte". Acreditando que o delírio tóxico não poderia produzir uma aparição tão realista, Muia esforçou-se mais e conquistou não somente o ar do pântano como a sagrada armadura de prata de Mosca, ao fim de seu terrível treinamento.

Muia, contudo, achava que o poder conseguido era pouco. Ela pediu permissão especial para treinar na ilha de Kanon, onde sob o calor inclemente do magma aperfeiçoou todas as suas técnicas, buscando tornar-se uma amazona capaz de resistir a tudo que o futuro pudesse oferecer contra ela, ao mesmo tempo que estudava o efeito dos vapores do vulcão e os minérios da ilha.

Em termos de ofensividade, poucos cavaleiros de prata são tão mortíferos e silenciosos quanto Muia quando deseja matar uma vítima. Suas técnicas são tão discretas que o alvo por vezes já é considerado como morto antes de dar seu primeiro golpe.

As técnicas de Muia são (do grego): Ochrio Ippeas (Cavaleiro Pálido literalmente, mas também o nome do Cavaleiro da morte no Apocalipse), Panoukla Esmos (Enxame de Pestilência), Diplos (O Duplo) e Dilitirio Filo (Beijo Venenoso)


TAU DE RELÓGIO (SOLAR)



Armadura: Bronze
Origem: Turquia
Local de treinamento: Cabo Suinon
Mestre: Kanon, ex cavaleiro de Gêmeos
Justificativa do nome: Letra grega que representa um intervalo de tempo

Tau é membro dos honrados defensores do selamento de Poseidon, uma ordem de soldados que auxilia Kanon na guarda da ânfora onde o espírito de Poseidon está aprisionado. Como forma de distinguir seu serviço o Santuário, na época regido pelo conselho dos cavaleiros (sobreviventes da guerra santa), concedeu a eles uma série de armaduras menores restauradas em Jamiel, vindas de uma ordem menor anterior que serviu a Athena. Embora estas armaduras não sejam verdadeiramente vivas nem tenham poder, servem mais como emblema e aviso de seu posto e seus donos são respeitados, embora proibidos de abandonar o local do selo a menos que o Santuário autorize.

Tau era o mais jovem deles, e o que mais se aproximou de Kanon que ele via como um deus. Kanon, infelizmente, não gostava de ser admirado e tinha sua carga de pecados a espiar, por isso esforçou-se em demonstrar o real valor de ser um cavaleiro e como uma pessoa podia abrigar o mal no coração. O jovem admirou-se que seu ídolo pudesse ter sido tão maligno e entristeceu-se por algum tempo, até que resolveu que "viveria a vida de um cavaleiro, para dividir o peso da carga de Kanon entre ele e si mesmo"

Dificilmente um cavaleiro consegue elevar seu cosmo a um nível para o qual não treinou antes, os poucos casos a cada geração são chamados de lendas e mudam de posto conforme o Grande Mestre reconhece seu valor. Tau tinha terminado seu treinamento para ser um cavaleiro do selo, mas batalhou arduamente até conquistar a atenção de Kanon para que o treinasse e o tornasse um cavaleiro do Santuário. O treinamento apostando a própria vida surtiu efeito anos depois, e Kanon orgulhosamente concedeu a ele o título de cavaleiro de bronze, após receber permissão do Santuário para entregar a única armadura das 88 de constelações encontradas junto à dos cavaleiros do selo: a de Horologium, o relógio que marca a procissão do sol.

A especialidade de Tau, como recebera em treinamento, era usar os conhecimentos antigos da leitura dos sinais do universo para se preparar para eventos futuros. Dizem os registros do Santuário que aqueles que usavam as armaduras do selo eram originalmente conhecedores da geomancia (arte de ler os sinais dos deuses na terra, não nos céus), em uma época onde esta ciência ajudava a guiar as caravanas os exércitos. Tau é um cavaleiro especialista em perceber o movimento dos cosmos no mundo e sua armadura possui o poder auxiliar de ajudar a decifrar o que está vindo, de acordo com os movimentos do universo respondendo à ação dos grandes poderes.

Tau é o melhor amigo de Icarius, ambos possuem uma relação de respeito já que um é capaz de encontrar os caminhos para os outros cavaleiros, e o outro de reencontrar seus corações caso se percam no sofrimento de uma guerra santa.

As técnicas que domina são (do turco): Hızlandırılmış (Lapso de Tempo) e On Iki Katlamıyla Boyutu (Dimensão das Doze Partições)



Última edição por Graal em Ter Mar 24, 2009 8:06 pm, editado 1 vez(es)


_________________
Ver perfil do usuário http://santuario-cdz.forumeiros.com

13 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Ter Mar 24, 2009 7:59 pm

Vou passar a ter pesadelos com mosca... haha

Ver perfil do usuário

14 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Ter Mar 24, 2009 9:17 pm

Eu votei nos q achei interresantes... so q todos eram de bronze auhauhauhauhaa lol!


_________________
"I can't remember anything
Can't tell if this is true or dream
Deep down inside I feel to scream
This terrible silence stops me
"
One - Metallica

Camus e suas Expressoes...
Ver perfil do usuário

15 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Ter Mar 24, 2009 9:45 pm

Mosca era prata \o

Ver perfil do usuário

16 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Ter Mar 24, 2009 9:51 pm

Eu votei nos 5. São todos bem bolados, não há porque deixa-los de fora. =)

Ver perfil do usuário

17 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Ter Mar 24, 2009 9:52 pm

Graal

avatar
Admin
Mas está listada como prata lá em cima


_________________
Ver perfil do usuário http://santuario-cdz.forumeiros.com

18 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Ter Mar 24, 2009 10:21 pm

Eu fiz que nem o Yue, Voltei nos 5 também =)

Adorei todos!

=)

Ver perfil do usuário

19 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Ter Mar 24, 2009 10:24 pm

Katiuscha Ausinberg escreveu:Eu fiz que nem o Yue, Voltei nos 5 também =)

Adorei todos!

=)

Somos 3...

Mais a mosca tem a melhor historia pra mim...

Ver perfil do usuário

20 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Ter Mar 24, 2009 10:25 pm

Eu prefiro a do relógio solar =)

Ver perfil do usuário

21 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Ter Mar 24, 2009 10:29 pm

O q eu mais gostei foi o Icarius


_________________
"I can't remember anything
Can't tell if this is true or dream
Deep down inside I feel to scream
This terrible silence stops me
"
One - Metallica

Camus e suas Expressoes...
Ver perfil do usuário

22 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Qua Mar 25, 2009 12:16 am

Gostei mais do Aristóteles de Triângulo Austral


_________________
Ver perfil do usuário

23 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Qua Mar 25, 2009 8:48 am

Legal, votei nos 5 também hehe
Gostei do Icarius, mas tb achei a história da Muia a mais legal.

Ver perfil do usuário

24 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Qua Mar 25, 2009 11:05 am

Graal

avatar
Admin
Como foram aprovados (e um com o dobro do mínimo Surprised que popular!) vou dar seguimento a eles como presentes no tópico inicial da Saga


_________________
Ver perfil do usuário http://santuario-cdz.forumeiros.com

25 Re: Enquete - Reforços de bronze? em Qua Mar 25, 2009 11:13 am

Todos foram aprovados entao?


_________________
"I can't remember anything
Can't tell if this is true or dream
Deep down inside I feel to scream
This terrible silence stops me
"
One - Metallica

Camus e suas Expressoes...
Ver perfil do usuário

Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 2]

Ir à página : 1, 2  Seguinte

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum